/noticia/vargem-aprimora-gestao-por-meio-da-tecnologia-e-melhora-processo-de-trabalho-interno
  • Início
  • Notícias
  • Vargem aprimora gestão por meio da tecnologia e melhora processo de trabalho interno

Acompanhe nossas notícias

« Voltar à listagem de notícias
  • 30/07/2018 Vargem aprimora gestão por meio da tecnologia e melhora processo de trabalho interno

    Até o início do ano passado, os servidores de Vargem, município localizado na Serra catarinense, realizavam alguns processos internos manualmente, sem a utilização de sistemas de gestão que ajudavam a controlar os recursos públicos. O cenário mudou, no entanto, quando a atual prefeita Milena Andersen Lopes Becher resolveu fazer um diagnóstico da situação. “Diante dele percebemos que existiam alguns processos arcaicos que exigiam retrabalho do servidor. Isso gerava morosidade e a não-efetividade naquilo que precisávamos alcançar”, avalia.


    A solução encontrada pela administração estava diretamente ligada à tecnologia: atualizar os processos, informatizar os setores, otimizar o tempo dos profissionais. “O nosso propósito sempre foi o de ter uma gestão de qualidade. Por isso o diagnóstico começou a ser feito a partir do primeiro dia de mandato. Precisávamos saber como funcionava a máquina pública, e assim descobrimos alguns entraves e dificuldades. Ouvimos os servidores lá na ponta e fomos nos adaptando às suas necessidades”, conta a prefeita.


    A partir de então, um novo processo de instalou no município. Computadores novos foram adquiridos para as secretarias. Na Saúde, todas as salas receberam uma nova máquina. Capacitação gratuita de informática foi disponibilizada aos servidores, ainda durante o horário de trabalho, já que alguns deles mal sabiam ligar o computador. A ideia era qualificar os profissionais a fim de conferir ainda mais eficiência aos serviços prestados.


    Neste mesmo período, foi identificada a necessidade da Nota e do Livro Eletrônico. “Nós percebemos que tínhamos prejuízo na arrecadação e no controle dos tributos, assim como dificuldade na geração dos relatórios contábeis. Implantamos a Nota e o Livro da Betha há cerca de dois meses e já percebemos muita melhora neste sentido. Estamos nos adequando e conhecendo as vantagens de ter o controle exato dos indicadores, para que possamos planejar e executar as ações da prefeitura”, expõe a prefeita, ao lembrar que “com as soluções da empresa, conseguimos minimizar o retrabalho e fazer com que as informações cheguem mais agilmente e com maior índice de exatidão aos tomadores de decisão”, completa.


    De acordo com o consultor de Vendas da filial Criciúma da Betha, Heleno Pacheco, após a implantação das soluções na prefeitura, os servidores passaram por uma capacitação e, agora, o município vive um novo momento. “É chegada a hora de deixar os blocos manuais de lado e trabalhar exclusivamente com a nota eletrônica. Isso exige uma mudança de cultura entre os profissionais, mas uma mudança que com certeza trará muitos benefícios”, diz ele, ao lembrar que “às vezes os prestadores de municípios pequenos deixam de declarar o ISS porque a prefeitura não tem um sistema que oferece essa opção eletronicamente. Hoje Vargem avançou nesse sentido e, e breve, colherá bons frutos”, pontua.


    “Tudo se transforma, e isso nos deixa atentos ao processo de mudança”


    Trabalhando há 20 anos na área pública, a prefeita Milena vem acompanhando a profissionalização da gestão, o que exige, consequentemente, a melhoria dos processos internos de trabalho. De acordo com ela, após a implantação de algumas ferramentas tecnológicas, os servidores de Vargem passaram a realizar todas as suas atividades no tempo certo, sem atrasos ou maiores dificuldades. “O mundo sem tecnologia não é mundo. As coisas avançam cada vez mais, e nós precisamos acompanhar tanta evolução. É preciso fazer as informações conversarem, para que o trabalho flua de forma integrada como uma verdadeira engrenagem. Tudo se transforma, e isso nos deixa atentos ao processo de mudança e à necessidade de aquisição de conhecimento. Como dizia minha mãe, de nota 7 o mundo está cheio, por isso precisamos sempre ir em busca do melhor para o ambiente onde vivemos”, completa ela.


    Soluções proporcionam uma gestão eficiente e integrada


    Com o objetivo de automatizar a rotina fiscal do município, aumentando a arrecadação e a fiscalização, as soluções Livro Eletrônico e e-Nota, da Betha Sistemas, proporcionam a fiscalização e a gestão municipal por meio do gerenciamento das informações.


    Para conhecer mais sobre as soluções que transparecem e facilitam os serviços de atendimento ao cidadão, acesse http://www.betha.com.br/segmento/atendimento. Se você tem o interesse de solicitar uma demonstração, entre em contato com a revenda ou filial Betha que atende o seu município.


Compartilhe essa notícia
Notícias relacionadas
Acompanhe nossas Redes Sociais
Instagram Instagram
x Normas e Procedimentos

INFORMAÇÕES

A sua inscrição estará finalizada somente após o recebimento do e-mail de confirmação, enviado pela Universidade Corporativa. A Universidade Corporativa reserva-se o direito de cancelar o treinamento se a quantidade mínima de inscrição não for atingida. Para solicitar qualquer informação sobre nossos treinamentos, acesse a página de contato ou ligue: (48) 3431-0733 Rama: 4792

FORMAS DE PAGAMENTO

Normas Financeiras:
1 a 2 inscrições por instituição: pagamento integral;
3 inscrições por instituição: 15% de desconto;
4 ou mais inscrições por instituição: 20% de desconto.

Através de Sose:
A SOSE será enviada ao participante por e-mail e deverá ser reenviada (digitalizada) assinada pelo responsável do setor junto aos dados de Empenho (se necessário), antes da realização do treinamento. O faturamento será efetuado posteriormente, em nome da instituição participante.

Através de Boleto (PF):
No caso de faturamento para pessoa física, é enviado por e-mail ao participante, o boleto para pagamento. Este deverá ser quitado antes da realização do treinamento e reenviado (digitalizado). Após o pagamento do mesmo, é enviada a nota fiscal.

Observações:
Das pessoas que se inscreverem e não comparecerem ao treinamento será cobrado uma multa de 30% do valor de cada inscrição, em fatura.
Não será reembolsado o valor pago na inscrição a clientes que não comparecerem ao treinamento sem aviso prévio.

x