/sobre

Nosso Negócio

Desenvolver e comercializar software de gestão para administrações públicas municipais, estaduais e federais, prestando suporte técnico.

Temos uma Missão

Atender o mercado de software para a gestão pública, garantindo a satisfação dos clientes, colaboradores, sócios, parceiros e melhorando a interface entre sociedade e servidor público.

Nossa visão do Futuro

Ser líder no Brasil em soluções WEB para administração pública, destacando-se na qualidade dos produtos e serviços.

Nossos Valores

  • Integridade Agir de forma justa, honesta e transparente.
  • Satisfação dos Clientes

    Oferecer produtos e serviços de qualidade e que possuam o melhor custo-benefício.

  • Inovação

    Pesquisar constantemente e aplicar novas tecnologias e conceitos.

  • Responsabilidade Social

    Participar de ações que propiciem melhoria na qualidade de vida da comunidade.

  • Melhoria Contínua

    Fazer sempre o melhor, para que melhorias sejam implantadas na estrutura ou produto da empresa e nas relações interpessoais.

  • Valorização das pessoas

    Criar um ambiente agradável de trabalho, onde se possa crescer profissional e pessoalmente e ser reconhecido pelo seu desempenho.

Conheça nossa história

1985 1989 1995 1998 1999 2005 2008 2011 2012 2013 2015
  • O início

    O experiente engenheiro, Cláudio Balsini, e o profissional recém-formado em computação, César Smielewski, uniram seus conhecimentos vislumbrando fazer parte de um novo e promissor mercado: a informática. Ao abraçar essa ideia, criaram a Betha Assessoria e Desenvolvimento em Informática Ltda, oferecendo o serviço de hospedagem de dados.

    Primeiros sistemas

    Ano em que a Betha desenvolveu seus primeiros sistemas para folha de pagamento, estoque, contabilidade, contas a pagar e receber entre outros; implantados em clientes como BBS, Lojas De Lucca e Genovez Materiais de Construção. Nessa fase, os principais clientes eram do setor varejista.

  • Uma nova ideia

    Um novo software foi desenvolvido para a área contábil da Prefeitura de Nova Veneza (SC): o Betha Sapo, carro-chefe até hoje dentre todas as soluções desenvolvidas pela Betha.

    Atendendo a prefeitura da cidade de Nova Veneza, foi identificada uma nova oportunidade: a necessidade das prefeituras na área de processamento de dados. Nesse momento, os sócios decidiram unir as duas áreas da empresa – venda de computadores e desenvolvimento de sistemas – a fim de oferecer softwares para serem manuseados dentro da estrutura do cliente.

  • A mudança

    Uma mudança no mercado incentivou Cláudio e César a tomarem mais uma importante decisão. Como novas lojas de informática haviam sido criadas em Criciúma (SC), a Betha encerrou suas atividades no setor varejista e concentrou todos os seus esforços no desenvolvimento de sistemas, que atendiam os setores público e privado.

  • Ajustando o foco

    90% do faturamento da Betha era procedente dos produtos desenvolvidos para os órgãos públicos. Assim, os sócios deram um novo rumo à empresa e venderam a área de desenvolvimento de sistemas privados para um grupo de funcionários da própria Betha, que criaram a Domínio Sistemas, atualmente reconhecida como uma das maiores do segmento.

    Crescimento acelerado

    Após focar na área de gestão pública, fazer mudanças na linguagem de programação e aperfeiçoar seus sistemas, a Betha deu início a um crescimento acelerado: a equipe começou a aumentar, foi criado o setor de suporte e o setor de desenvolvimento concentrava-se em pesquisas e novas tecnologias. No mesmo período, as prefeituras brasileiras passavam por um amplo processo de informatização.

  • Assestec

    A Betha implantou a Assestec, estrutura desenvolvida para a realização de testes de seus produtos, para auxiliar as áreas de desenvolvimento e suporte.

  • Uma nova diretoria

    Os fundadores e diretores da Betha, Cláudio Balsini e César Smielewiski, passaram a integrar o Conselho de Administração, enquanto Guilherme Balsini, o segundo funcionário contratado pela Betha - que desde 1995 gerenciava o setor de desenvolvimento - assumiu a diretoria da empresa com sua personalidade inovadora e autodidata.

    Novas tecnologias

    Sob a gerência de Guilherme Balsini, a empresa continuou investindo esforços em novas tecnologias. Isso levou o setor de desenvolvimento a mudar as linguagens de programação de Cobol e C/C++ para Powerbuilder e Sybase. Também nesse ano, a Betha lançou seu primeiro sistema para Windows.

  • Produtos Fly

    A Betha lançou sua linha de produtos Fly, desenvolvidos dentro dos conceitos de web 2.0 e computação em nuvem, levando aos clientes a facilidade de acessar os sistemas Betha Fly de qualquer computador conectado à internet, dispensando a necessidade de instalação dos softwares.

  • Universidade Corporativa

    Janeiro marcou o lançamento da Universidade Corporativa Betha, criada para oferecer treinamentos dinâmicos a fim de garantir o aprendizado contínuo dos serviços Betha para clientes, colaboradores e parceiros.

    Grandes reconhecimentos!

    O ano de 2011 foi marcado pela conquista de diversos prêmios:

    - 52ª posição no ranking nacional das 100 Melhores Empresas para Trabalhar, na categoria “TI & Telecom”, do instituto Great Place to Work.

    - Prêmio Ser Humano, nas categorias “Cases em Gestão de Pessoas” e “Projetos Sociais”, da Associação Brasileira de Recursos Humanos.

    - Prêmio Prof. Dr. Imre Simon, na categoria “Soluções Integradas para Governos”, da Assespro - Associação  das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação.

  • Nova filial

    O ano de 2012 começou com a Betha inaugurando sua quarta filial em março, tornando-se presente também em Rio do Sul (SC).

    No ano anterior havia sido inaugurada a primeira filial, em Criciúma (SC). Em setembro, uma filial abriu suas portas em Curitiba (PR), seguida pela filial instalada em Chapecó (SC), que iniciou suas atividades em outubro de 2011.

    Entre as Melhores Empresas para Trabalhar

    A Betha Sistemas apareceu novamente em rankings que a reconhecem como uma ótima empresa para sua equipe de funcionários. Primeiro, nas revistas Exame e Você S/A como uma das 150 Melhores Empresas para Trabalhar no Brasil. E também em 58ª posição no ranking nacional das 100 Melhores Empresas para Trabalhar, na categoria “TI & Telecom”, do instituto Great Place to Work.

    Novos prêmios conquistados!

    - Conquista da 3ª posição no ranking de Melhores Empresas para Trabalhar em Santa Catarina, na categoria “Pequenas e Médias Empresas”, pela Revista Amanhã e o instituto Great Place to Work.

    - Pelo segundo ano consecutivo, a Betha recebeu o Prêmio Prof. Dr. Imre Simon, na categoria “Soluções Integradas para Governos”, da Assespro - Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação.

    - Novamente, a Betha conquistou o Prêmio Ser Humano, da Associação Brasileira de Recursos Humanos. Dessa vez, na categoria “Projeto Socioambiental”.

  • Excelência Empresarial

    A Betha adquiriu mais um importante reconhecimento: o Prêmio Internacional Oscar Alvear Urrutia, na categoria “Excelência Empresarial”, com o projeto Cidadãos Ligados na Rede. O prêmio foi concedido pela Federación Interamericana de Asociaciones de Gestión Humana – FIDAGH, em parceria com a Associação Brasileira de Recursos Humanos – ABRH Nacional.

    Novas filiais

    A empresa retomou a inauguração de novas filiais, abrindo suas portas em Uberlândia (MG) e em Caxias do Sul (RS). A primeira, em fevereiro; a segunda, em abril.

  • Rumo aos 30 anos

    A Betha Sistemas completa 30 anos de pioneirismo e inovação, transformando o mercado com a qualidade de seus produtos e conferindo um crescimento contínuo para a empresa. 

Somos quase
600 colaboradores

Possuímos mais de 
71.000 usuários no Brasil

Temos
94% clientes satisfeitos

Estamos em
870 municípios brasileiros

Confira algumas Ações Sociais

Primavera Consciente

O projeto Primavera Consciente é uma ação de responsabilidade socioambiental que a Betha Sistemas e seus colaboradores realizam junto a uma entidade beneficente da região. O projeto iniciou em 2010 e já atendeu entidades como Bairro da Juventude, Casa Guido e Instituto Diomício Freitas. 

A ação consiste em deixar a primavera destas instituições ainda mais bonita, plantando flores, plantas e árvores nos jardins. A organização inicia com a definição da entidade que receberá o projeto, logo após é visto qual necessidade de plantio para cada jardim e o que a Betha pode oferecer para tal. Todos os colaboradores são convidados para participar da ação e principalmente levar sua família, para juntos fazerem o plantio. 

A presença do funcionário vai além da oportunidade de interação entre todos os presentes, pois ela é também contabilizada e revertida em uma doação em dinheiro para a entidade. Para cada colaborador presente equivale a R$25 que a Betha Sistemas entrega à Instituição.


Projeto Ligados na Rede

Ligados na Rede é um projeto de Responsabilidade Social que a Betha Sistemas oferece aos alunos da Instituição Bairro da Juventude, e tem como objetivo proporcionar a inclusão digital e formação profissional dos estudantes. O projeto iniciou em 2004 e oportuniza conhecimentos, habilidades e atitudes para que possam qualificar-se para o mercado de trabalho.

A Betha Sistemas oferece aos alunos de 14 a 18 anos cursos gratuitos de computação e linguagem de programação, em um ambiente personalizado com a identidade do projeto, computadores e todos os materiais necessários para o aprendizado. Já com 24 turmas formadas, o projeto auxiliou mais de 500 jovens a alcançarem sua formação profissional.

Com duração de um ano e carga horária de 800 horas, o projeto oferece em seu plano de ensino: Organização e Preparação para o Trabalho, Ética e Cidadania, Introdução a Programação, Banco de Dados, Linguagem de Programação entre outras disciplinas.

Observando a que necessidade e procura dos cursos aumentou no decorrer dos anos, a Betha ampliou o seu objetivo e expandiu o atendimento do projeto também aos pais dos alunos e a comunidade em geral, desenvolvendo também o “Papais Ligados na Rede” e “Cidadãos Ligados na Rede”.

Este projeto já proporcionou à Betha Sistemas o prêmio Ser Humano 2011 da ABRH-SC.

Projeto “Papais Ligados na Rede”

A partir do Projeto “Ligados na Rede” a Betha Sistemas desenvolveu o “Papais Ligados na Rede”. Com início em 2005, este tem como objetivo oferecer aos pais das crianças e adolescentes do Bairro da Juventude a oportunidade de acesso à educação digital e tecnologia, fazendo o curso de Informática Básica. Todo o ensino é gratuito e com vagas limitadas. Para se inscrever o aluno deve ter mais de 18 anos e comprovar a matrícula do filho na instituição.

Este projeto compreende em seu plano de ensino as aulas de Windows, Internet e Pacote Office (Word, Excel, Power Point). Tem duração de cinco meses com carga horária de 40 horas. O projeto “Papais Ligados na Rede” já formou 12 turmas e cerca de 200 pais já foram auxiliados com o aprimoramento da sua formação, que também apoia no exercício de suas funções na família e na sociedade.


Projeto Cidadãos Ligados na Rede

O “Cidadão Ligados na Rede” é um projeto da Betha Sistemas em parceria com o Bairro da Juventude, sendo mais uma extensão do projeto “Ligados na Rede”. Este oferece cursos avançados para Programador de Computadores, na modalidade de Qualificação Profissional, aberto para todos da comunidade em geral a partir de 16 anos.

O projeto iniciou em 2010 e já conta com a 6ª turma formada e mais de 80 pessoas prontas para o mercado de trabalho. Para participar do curso o interessado deve ter a idade mínima estabelecida pela instituição, conhecimento em informática básica e preencher o cadastro na secretaria do Bairro da Juventude. Os cursos oferecidos no plano de ensino são de Programação Avançada, Linguagem de Programação WEB, Banco de Dados entre outros, com duração de 06 meses e carga horária de 300 horas.


Doce Gesto

Ação que já faz parte do calendário de eventos sociais promovidos pela Betha Sistemas. A empresa busca proporcionar às crianças de entidades beneficentes da região um dia de diversão e presentes especiais, entregues pelos próprios colaboradores. Esta foi a maneira que a Betha escolheu para deixar a Páscoa e o Dia das Crianças mais doces, tanto para quem doa quanto para quem recebe.

O Doce gesto iniciou em 2011, com o objetivo de promover o evento de Páscoa para as crianças da Instituição Bairro da Juventude, onde os colaboradores ofereceram por um dia as máquinas de chocolate quente que a empresa possui. Além disso, em parceria com outras empresas da região, foram comprados ovos de Páscoa para doação. Os próprios colaboradores foram até a instituição fazer a entrega dos ovos de Páscoa e acompanhar a distribuição do chocolate quente. Ainda nesta primeira edição do Doce Gesto, foram doados 2 mil litros de leite arrecadados pelos colaboradores. Com o sucesso da ação a Betha Sistemas deu continuidade na realização do Doce Gesto, que atualmente acontece não somente na Páscoa como também no Dia das Crianças, auxiliando outras instituições beneficentes da região.


Campanha do Agasalho

A Betha Sistemas acredita que a solidariedade é capaz de transformar a vida das pessoas. Pensando nisto, desde 2012, a empresa realiza a Campanha do Agasalho. Esta ação tem o objetivo de motivar os colaboradores à prática de solidariedade e também amenizar o frio dos mais necessitados durante o inverno.

A campanha acontece durante o mês de maio, onde são espalhadas caixas de arrecadação em todas as filiais, Matriz, Desenvolvimento B e Universidade Corporativa. As doações recebidas são entregues em instituições beneficentes de cada região que a Betha atua.


Selo Amigos do Bairro da Juventude – Bairro da Juventude

A campanha consiste no uso de um Selo Social em empresas, produtos industrializados e/ou comercializados, visando à canalização de determinado valor à entidade.


Projeto Esporte e Lazer – Bairro da Juventude

Em sua terceira edição o projeto vai atender 200 crianças e adolescentes, com idades entre sete e 14 anos. Com o "Esporte e Lazer", apoiado pelo Ministério dos Esportes, os alunos terão uma aproximação com o universo esportivo por meio das seguintes modalidades esportivas: futebol de campo, futsal, vôlei, tênis de campo, tênis de mesa, xadrez e judô. Além da prática do desporto, o projeto também contempla apoio pedagógico, informática, reforço alimentar e oficinas culturais. 

Para colocar em prática o projeto, o Bairro da Juventude contou com a parceria de empresas e pessoas físicas que apoiaram a ação através da doação do imposto de renda.


Projeto Geração de Talentos – Bairro da Juventude

O Projeto "Geração de Talentos" é aprovado pelo Ministério da Cultura, através da Lei Rouanet. As empresas que colaboram com o projeto através da doação do imposto de renda.

O "Geração de Talentos" atende 200 crianças e adolescentes, com idades entre 7 e 14 anos, que terão uma maior aproximação  com o universo musical através de duas oficinas oferecidas na Instituição, Coral Vozes de Esperança e Orquestra Filarmônica. O projeto tem como proposta a iniciação e formação musical dos alunos visando à melhoria na qualidade de vida e a busca pelo desenvolvimento de todo um potencial artístico cultural.